page up
voltar ao topo
Notícias
Alunos da Escola Profissional de Felgueiras venceram o X Concurso Internacional de Acessórios de Moda
Fevereiro 29, 2020

 

A ocasião era de elegância e glamour, arte e cultura. Vila Verde vestiu-se com as cores do amor para um evento que aliou a sofisticação dos desfiles de moda à magia dos espetáculos de música e dança. Tudo inspirado nos sentimentos e afetos dos motivos dos Lenços de Namorados. A Escola Profissional de Felgueiras foi a grande vencedora da noite. Conquistou o 1º prémio no X Concurso Internacional de Acessórios de Moda com um conjunto que inclui sapatos e uma mala de senhora em forma de coração com uma chave na alça, da autoria de Carlos Carvalho, Diana Ferreira, Diogo Ferreira, José Moreira e Sofia Sousa. Uma proposta moderna com uma forte ligação à iconografia tradicional, já que a mulher minhota entregava simbolicamente a chave do seu coração ao seu amado através da simbologia dos Lenços de Namorados.

O segundo lugar também foi para Felgueiras. Bruno Neto, Diogo Lopes, Diogo Silva, Flávio Pinto e Hélder Sampaio destacaram-se com um conjunto bolsa/sapatos. O pódio fechou com uma peça versátil, uma capa convertível em mochila, da autoria de Marisa Marinho Alves. A iniciativa decorreu ontem, 28 de fevereiro, na Quinta da Aldeia - Gême, organizada pelo Município de Vila Verde, com o apoio da Aliança Artesanal e da Academia de Música de Vila Verde.

Júri não teve tarefa fácil

O ‘X Concurso Internacional de Acessórios de Moda’ constituiu um desafio para a criação acessórios de moda subordinados ao tema ‘Lenços Namorar Portugal, escritas de amor’, inspirados nesta tradição genuína, que remonta ao séc. XVIII. Os designers e estilistas responderam em massa e brindaram o público com propostas arrojadas, numa aliança majestosa entre tradição e modernidade. O júri não teve tarefa fácil, como frisou a vereadora da Cultura do Município de Vila Verde, Júlia Fernandes. No total, foram apresentadas 48 propostas, 28 a título individual e 20 em representação de estabelecimentos de ensino, em mais uma iniciativa inserida na programação ‘Fevereiro, Mês do Romance’. O vencedor levou para casa um prémio de 500 euros (Município de Vila Verde), o segundo classificado recebeu 300 euros (AEVH) e o terceiro 200 euros (Foto Felicidade). Todos os participantes tiveram a oportunidade de expor o seu talento num palco privilegiado e “quem sabe, encontrarem um trampolim para o mundo da moda”, disse Júlia Fernandes.

Música, dança e propostas de moda Namorar Portugal

Mas nem só do concurso viveu esta noite de moda. Pela passerelle passaram também os dez coordenados premiados na Gala Namorar Portugal 2020, bem como as propostas de quatro parceiros da marca territorial do Município de Vila Verde: Teciborda, Sapatos Namorar Portugal, Gatémia e Mi-Linha. Todas as propostas foram desfiladas pelos vencedores do Casting Namorar Portugal, iniciativa promovida com o intuito de revelar o potencial dos jovens modelos. O evento foi abrilhantado pelos espetáculos de dança e música ao vivo protagonizados por Rogério Braga e sua banda; Guilherme e Joana, da RS Ballroom Team (dança); alunos do Jardim de Infância de Pico de Regalados; Luana e Bruno Miguel Almeida. Com a programação já na ‘reta da meta’, a vereadora da Cultura aproveitou a ocasião para agradecer a todos quantos participaram nas atividades de ‘Fevereiro, Mês do Romance’.

Durante a iniciativa, teve também lugar a entrega de prémios do Concurso de Montras ‘Namorar Portugal em Vila Verde’, promovido pela AEVH (Associação de Empresários do Vale do Homem), que desafiou o comércio local a adornar os seus espaços com a temática do amor e os motivos dos Lenços de Namorados. A loja Richesse venceu o primeiro prémio, em segundo lugar ficou a Docauto Seguros e em terceiro a Felicidade Noivas. O Prémio Criatividade foi atribuído à Farmácia Medeiros, o Prémio Artístico à Folha de Ponto e o Prémio Público foi arrecadado por Ana Rocha Cabeleireiros.

Motivos dos Lenços de Namorados espalhados pelo país e pelo mundo

O presidente do Município de Vila Verde, António Vilela, congratulou os participantes pela qualidade dos trabalhos apresentados a concurso, sublinhando que “o júri teve uma tarefa difícil”, além de frisar que “dos mais pequeninos aos mais crescidos, passou pelo palco muito talento que ajudou a abrilhantar a noite com espetáculos de música e dança”. O autarca prosseguiu sem esconder a satisfação pela forte adesão que faz com que o Mês do Romance extravase o mês de fevereiro e se prolongue durante 37 dias consecutivos. “Isto não seria possível se as pessoas não aderissem e demonstrassem o seu apoio”, afirmou, sublinhando em jeito de balanço que é uma programação “repleta de iniciativas com muito êxito”. António Vilela referiu também que a marca Namorar Portugal é já uma embaixadora da cultura local. “No total, temos já 70 parceiros na marca Namorar Portugal. Com muito talento e criatividade, criam produtos inspirados nos motivos dos Lenços de Namorados que estão já espalhados por todo o país e por várias partes do mundo”, disse.