page up
voltar ao topo
Notícias
Lenços de Namorados na final distrital das 7 Maravilhas da Cultura Popular
Junho 08, 2020

 

Os Lenços de Namorados estão entre os sete finalistas do distrito de Braga, candidatos à distinção das 7 Maravilhas da Cultura Popular, e continuam a espalhar as mensagens de amor desta genuína tradição que remonta ao século XVIII. O concurso tem como objetivo celebrar a cultura portuguesa e a sua autenticidade, bem como promover a identidade nacional.

A próxima fase decorre durante o mês de julho, altura em que vão ser transmitidas as 20 finais regionais, em direto na RTP, para apurar os 20 vencedores mais votados pelo público. Já a grande final, onde será anunciada a Declaração Oficial das 7 Maravilhas da Cultura Popular, acontece a 5 de setembro, com transmissão na RTP.

O seu voto é fundamental para juntos conseguirmos levar a tradição minhota dos Lenços de Namorados ainda mais longe e, por isso, contamos com o apoio de todos.

A história

Os Lenços de Namorados são um dos ícones culturais mais reconhecidas em todo o país e que tão bem representam a nossa identidade além-fronteiras. Esta genuína tradição minhota remonta ao século XVIII.

As raparigas em idade ‘casadoira’ bordavam com cores garridas num pano de linho branco versos de amor acompanhados por símbolos românticos e/ou campestres (o coração, a chave, o pássaro, a flor…).

Muito à frente do seu tempo, numa atitude de emancipação feminina, davam o primeiro passo e declaravam o amor ao seu pretendido através da oferta do Lenço. Se ele o utilizasse na próxima cerimónia pública era sinal que o seu amor era correspondido e assim começava o namoro, muitas vezes às escondidas para ‘fintar’ os rígidos costumes do Minho rural.

Do coração do Minho para todo o mundo

Esta bela forma de arte enraizou-se na cultura popular, atravessou os séculos e permanece bem viva nos dias de hoje. Para isso muito contribuiu o trabalho de recolha, preservação e recriação desenvolvido pela Aliança Artesanal, de Vila Verde, que reavivou a chama da tradição.

Hoje, estão com mais vivacidade do que nunca e servem de inspiração aos milhares de produtos das mais diversificadas áreas (têxtil, calçado, acessórios de moda, mobiliário, agroalimentares, produtos para o lar, artesanato…) que integram a marca territorial Namorar Portugal, do Município de Vila Verde. Nas asas destes produtos as mensagens de amor da genuína tradição minhta chegam aos quatro cantos do mundo.

 

No distrito de Braga estão também a concurso a Banda Plástica, a Lenda do Galo e o Figurado de Barcelos, o S. João e os Gigantones e Cabeçudos de Braga, bem como a Filigrana da Póvoa de Lanhoso.